Aventura ou loucura? Conheça 5 lugares com atrações turísticas pra lá de radicais

Comente

Hoje em dia existem atrações turísticas para todos os gostos nos mais diversos lugares do mundo. Isso significa, por exemplo, que até quem não dispensa uma boa aventura, pode encontrar com grande facilidade alguns lugares ideias para testar os próprios limites e experimentar a adrenalina ao extremo.

Para ilustrar isso, mostramos a seguir alguns dos destinos que reservam atrações incríveis para quem tem coragem. Confira!

Destinos com atrações extremamente radicais

Passeio à beira de um vulcão em atividade

Já pensou em passear à beira de um vulcão em atividade? Pois saiba que no Havaí isso é possível. O destino que é conhecido especialmente por suas praias paradisíacas, abriga também alguns vulcões em atividade, como por exemplo, o Kilauea, que se encontra em estado de erupção desde 1983 e oferece aos turistas uma paisagem tão incrível quanto assustadora.

Na região existem empresas turísticas que exploram passeios de barcos para que os visitantes consigam observar o fenômeno em ângulo privilegiado. O passeio pode ser feito tanto de dia quanto de noite.

Nadar na Piscina do Diabo

A Devil’s Pool (ou Piscina do Diabo, em tradução para o português) é de fato uma atração para quem gosta de viver no limite. Situada na Zâmbia, África, no topo de onde despencam as cataratas de Vitória, o lugar, como seu próprio nome dá uma ideia, é visto como a piscina natural mais perigosa do mundo.

A razão disso é que ela se forma bem à beira de um penhasco de mais de 100 metros de altura. Os turistas podem nadar por lá e observar paisagens incríveis até quase na beira do abismo, mas tudo deve ser feito com a companhia de guias que podem ser contratados na entrada do parque ecológico.

Nadar com águas-vivas

E se nadar na beira de um penhasco não é o bastante para os mais aventureiros, que tal lhe parece nadar com águas-vivas? Pois isso é possível no arquipélago de Palau, no Oceano Pacífico. O lugar abriga um lago onde o turista pode nadar com esse tipo de ser aquático.

No caso específico dessa região, no entanto, a espécie de água-viva não costuma causar ferimentos nos humanos, mas não deixa de ser “agoniante” a ideia de nadar ao lado dessas criaturas, certo?

Leia também:

Mergulhar com tubarões-brancos na África do Sul

E pra quem acha “tranquilo” de mais nadar com águas-vivas ou na piscina do diabo, resta essa aventura que talvez seja ainda mais radical da lista. A atração consiste em nadar com o carcharodon carcharias, espécie também conhecida como “tubarão-branco”, um dos mais temidos dos mares.

Isso é possível no litoral da África do Sul, onde esses predadores com 300 dentes afiados e até seis metros de comprimento podem ficar frente a frente com o turista sob a água. A experiência é proporcionada graças a gaiolas que levam os visitantes para dentro do oceano. Para atrair os tubarões, os organizadores da experiência jogam carne de peixe no mar.

Caminhar por um desfiladeiro na Espanha

Por fim temos aqui outra experiência pra lá de radical que pode ser experimentada na Espanha, mais precisamente na região sul do país. Estamos falando do Caminito del Rey, que é nada menos que uma das caminhadas mais assustadoras do velho continente.

Trata-se de um percurso com 3km de extensão composto por passarelas acopladas nos paredões de um desfiladeiro. Alguns trechos do lugar ultrapassam os 100 metros de altura, o que torna letal uma eventual queda. Vale dizer que embaixo do caminho, ocorre o rio Guadalhorce, o que proporciona uma boa vista aos aventureiros de plantão.

É importante ressaltar também, que o lugar chegou a ser fechado durante boa parte do século 21 devido a morte de turistas que tentaram cruzar as precárias passarelas do lugar. Hoje em dia o lugar possui uma estrutura melhor, no entanto, nada que torne a experiência menos radical.



Comentários (0) Postar um Comentário

Nenhum comentário encontrado. Seja o primeiro!